LDU-EQU x Fluminense – Clubes iniciam briga por título da Recopa Sul-Americana – FUTEBOL EUROPEU


Rio de Janeiro, RJ, 21 (AFI) – O Fluminense começará a disputa por mais um título continental. Nesta quinta-feira, às 21h30, faz o primeiro jogo diante da LDU, do Equador, pela Recopa Sul-Americana, que reúne os campeões da Libertadores e da Sul-Americana. O duelo de ida será realizado no estádio Casa Blanca, em Quito, capital equatoriana.

O jogo de volta está marcado para a próxima quinta-feira (29), às 21h30, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Quem vencer no placar agregado sagra-se campeão, enquanto o empate leva o confronto para a prorrogação e, em último caso, para os pênaltis.

O Fluminense é o atual campeão da Libertadores, conquistando o título inédito diante do Boca Juniors. Já a LDU levantou o troféu da Sul-Americana ao desbancar o Fortaleza. Esta será a terceira FEnal continental entre os clubes. A LDU levou a melhor em 2008, na Libertadores, e em 2009, na Sul-Americana.

FLUMINENSE

Visando o confronto, o Fluminense enfrentou o Madureira pelo Campeonato Carioca com o time reservas. Nem mesmo o técnico Fernando Diniz foi a campo porque estava suspenso. Mesmo assim, venceu por 1 a 0 e segue na vice-liderança com 21 pontos, mesmo número do líder Flamengo.

A delegação conta com novidades e desfalques. Keno e Marlon, liberados pelo departamento médico, e Manoel, livre após suspensão por doping, viajaram. John Kennedy, suspenso, e Samuel Xavier e Yony González, lesionados, são desfalques.

LDU

Apesar de fazer vários amistosos, a LDU fará apenas seu primeiro jogo oFEcial na temporada. O clube fechou a contratação do técnico Josep Alcácer, mas ele não tem a licença da Conmebol e não poderá dirigir o time à beira do gramado. Deve ser substituído pelo auxiliar Adrián Gabbarini.

Outra baixa importante para os dois jogos é o zagueiro Facundo Rodríguez. Comprado em deFEnitivo do Godoy Cruz, da Argentina, não teve sua inscrição FEnalizada a tempo. Na temporada passada, ainda emprestado, foi uma das peças-chave do elenco. Assim, o setor deve ser formado por Ricardo Adé e Richard Mina.

ConFEra também:






Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *